Crônica: Segundos cinzas

Crônica: Segundos cinzas

Um dia me perguntaram quais os meus sonhos, quais os meus objetivos. Eu respondi cautelosamente, em mínimos detalhes coloridos, pintados cuidadosamente pelas mais delicadas mãos, meu destino estaria traçado, pintado numa tela quem antes viera a ser branca, sem vida, sem esperança e vazia. Vazia assim como alguns momentos que não cabia-me razões nem certeza. Todo mundo passa por isso algum dia, era o que eu ouvia dizer.

Mas o que fazer em meio a esse grito no vácuo, esse mar de tons acinzentados, longe de qualquer segurança, banhado de gotas de incertezas. O preto colore a solidão, colore os momentos vazios. O branco colore a estação da calma, o silêncio que ficou por aqui desde que você se foi. Por que não volta e trás de volta a vida que você levou? Entra, a porta está aberta, olha como ficou aqui por dentro. Me leva de volta pra ver o mundo do lado com cor. Contempla comigo as cores que pintam o céu de outono ao pôr-do-sol. Admira o horizonte lá no oceano infinito nas tardes de primavera e verão. Uma pena, você se foi. Será que daí de onde estás dá pra me ouvir? Foi preciso achar uma saída, um pingo de azul no meio do nada me levou pra a tranquilidade, eu pude sentir a doce brisa das manhãs soprar em mim novamente, eu já não me sentia tão vazia. O azul foi dando vida à novas cores.

Eu tentei, eu juro, tentei te encontrar. Uma pena, você se foi, mas poderá voltar? Tudo isso aqui me diz que sim. Eu continuo a buscar, sabe lá quem vai, viver na contramão do mundo soa tão estranho. Até que enfim, um caminho, gritei bem alto, eu queria ser ouvida; "Tem alguém aí?" "Ouça-me por favor?" "Por que você se foi, porquê?". As folhas sopravam junto com a brisa, cantam uma canção singela, senti o vento sussurrar no meu ouvindo "Estou voltando pra casa". O céu se encontra pintados com as muitas cores possíveis que encontrei no caminho. "Por que você demorou tanto pra chegar Felicidade?"

Não há ouro, riquezas, nem momentos que te façam melhor pra vida inteira. O tempo não para, tente ser criativo agora, faça ações, faça alguém feliz, faça crianças sorrirem. Então, por que não coloca em prática toda essa teoria?
Quer ter um blog novo e personalizado? Clique aqui e encomende um design exclusivo com um preço que você pode pagar!
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário: